Ainda vale a pena fazer MBA? O que você deve saber antes de cursar

21-05

Em recente entrevista ao “The Wall Street Journal”, o reitor da escola de negócios de Harvard, Nitin Nohria, afirmou que a “era de ouro” da educação de negócios nos EUA durou dos anos 50 a 2000, quando “era quase considerado necessário ter um MBA para acelerar a carreira”. Para ele, essa noção mudou.

Nohria diz que os profissionais estão se questionando se devem fazer esses cursos. Ele afirma que até alguns bancos de investimentos já não exigem MBA em cargos de diretoria.

Ainda que esses cursos tenham peso no currículo, especialistas ouvidos pelo UOLacreditam que a relevância do MBA também começa a ser questionada no Brasil. Para eles, saber inglês e a experiência profissional ainda são fatores muito mais determinantes na hora de disputar um cargo.

“Não existe aquilo que falavam: ‘Se fizer MBA, seu salário vai aumentar 20%'”, afirma Mário Custódio, gerente de divisão da Robert Half, empresa de recrutamento. “[Os recrutadores] vão pensar: ‘ele foi atrás,  movimentou-se, legal’, mas não é algo que vai ser determinante”.

Estudo da consultoria de carreiras Produtive, divulgado no ano passado, apontou que o mestrado dá o dobro do salário de um MBA.

Ainda assim, os cursos têm peso no currículo. Segundo levantamento da Robert Half feito com 70 executivos de RH brasileiros no ano passado, 42% dos entrevistados acreditam que o MBA é muito relevante. Por outro lado, 23% acham que essa formação só é importante para candidatos a posições de gestão.

Deixe um Comentário

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *